Sistema de Exaustão e Lavagem de Gases


Atuando no ramo de equipamentos para controle de poluição atmosférica, a Stringal Hurner desenvolve projetos visando a melhoria contínua dos processos industriais e a preservação do meio ambiente.

Nossos serviços abrangem a determinação de sistemas que se adequem as reais necessidades de nossos clientes, onde nosso corpo técnico seleciona os equipamentos dentro da melhor tecnologia existente para o controle das emissões de gases ácidos, alcalinos, controle de odores, sistemas de emergência e material particulado, atendendo todas as áreas de negócios.

Fabricados em PP (Polipropileno) ou em PRFV (Fibra de Vidro), garantem excelente resistência química e mecânica, mesmo em ambientes agressivos, mantendo excelente eficiência.

Quando necessário os sistemas/equipamentos são fornecidos com automação total, podendo ser interligado ao sistema supervisório de nossos clientes. Os sistemas podem ser fornecidos com regime de contratação Flange/Flange, ficando dentro de nosso escopo de fornecimento o sistema/equipamento ou Turn-Key, onde contemplamos o projeto, fabricação, montagem, comissionamento, start-up, obras civis, instalações elétricas e automação.

Desenvolvemos equipamentos adequando as necessidades dos clientes.

LAVADOR DE GASES – TIPO TORRE DE ABSORÇÃO QUÍMICA
São projetados considerando o poluente a ser absorvido, temperatura de operação, concentração e a vazão de gases, dentre outros fatores. O princípio de funcionamento consiste na depuração dos gases de forma ascendente, em contrafluxo à solução neutralizante que, distribuída por intermédio de bicos aspersores, dá origem a uma reação química na passagem do poluente pela superfície de contato dos corpos de enchimento. A solução neutralizante retornará então ao tanque, acoplado diretamente na parte inferior do corpo do depurador, onde será recirculada através de uma bomba, para o meio de depuração. Apresenta alta eficiência, incluindo o tratamento de odores de H2S, podendo atingir até 99,95% de redução na emissão de poluentes..

LAVADOR DE GASES – TIPO VENTURI
Indicado para casos onde a concentração de gases é baixa e a presença de material particulado (com granulometria igual ou superior a 1µ) é alta. A eficiência deste equipamento está ligada a perda de carga criada na garganta Venturi, que consiste na redução entre a seção convergente forçando o gás a atingir velocidade de 50 m/s a 90 m/s, e ao atingir a seção divergente os gases sofrem uma desaceleração, provocando assim a coleta do material particulado.

FILTRO DE MANGAS
Executados PRFV/PP e dotado de limpeza automática através de “jato pulsante”, são dimensionados para atender fluxos de gases com baixa ou sem umidade, e com altas concentrações de material particulado das mais diversas granulometrias, atingindo até 99,99% de eficiência na coleta dos poluentes.

FILTRO DE CARVÃO ATIVADO
Estes equipamentos são projetados para, principalmente, o controle das emissões de COV´s (Compostos Orgânicos Voláteis), em fluxos gasosos com baixa umidade. O fluxo gasoso contaminado é direcionado ao Filtro de Carvão Ativado. A adsorção dos poluentes ocorre na passagem do fluxo pelo leito de carvão ativado, este que é dimensionado de acordo com a capacidade de adsorção do carvão ativado em relação ao poluente de interesse. Cabe ressaltar que temos no mercado diversas qualidades e granulometrias de carvão ativado, e para cada utilizamos a que melhor se adequa.

BIOFILTRO
São projetados considerando o poluente a ser absorvido, temperatura de operação, concentração, vazão de gases, tempo de permanência do fluxo gasoso no leito biológico e, principalmente, a capacidade de absorção dos poluentes pelo leito biológico utilizado.
O leito biológico dentre os principais meios filtrantes, o mais utilizado é composto por uma primeira camada de argila expandida seguida por uma camada de turfa / fibra de coco, sendo esta ultima a responsável pela cultura dos microrganismos que irão “consumir” os poluentes.
Utilizado principalmente no controle de gases com presença de H2S e CH4, apresentando excelente eficiência a um baixo custo de investimento. Os Biofiltros podem ser construídos em PRFV/PP, ou ainda adaptados em containers com revestimento anticorrosivo nas áreas em contato com o gás contaminado..